InBrasCI - Verbete Wikipédia

quarta-feira, 27 de abril de 2011

LANÇAMENTO DO CD HARE RAMA

CONVITE PARA O SHOW DE LANÇAMENTO DO CD HARE RAMA



DO GRUPO SURENDRA, DEVIS & DEVAS


DIA 28 DE MAIO - SÁBADO - 17H - ENTRADA FRANCA!

LOCAL: AABB (ASSOCIAÇÃO ATLÉTICA DO BANCO DO BRASIL)

AV. BORGES DE MEDEIROS Nº 829 - LAGOA - RIO DE JANEIRO


CONTATO: (21) 9681-1707 (21) 9681-1707 OU 9817-3200

REALIZAÇÃO: SANGHA PRODUÇÕES

                    Acesse o link abaixo para ouvir algumas músicas que estão no cd.

http://www.youtube.com/watch?v=-GQjSkaETwU

http://www.youtube.com/watch?v=ZRdShvBOkiI

http://www.youtube.com/watch?v=wiI65pLSpGE

RODA DE POESIA

 


Federação das Academias de Letras e Artes do Estado do Acre

Academia dos Poetas Acreanos

Academia de Jornalistas e Letras do Estado do Acre

Instituto Brasileiro de Culturas Internacionais

SESC-ACRE – APRESENTA

RODA DE POESIA
Apoio Cultural: Café Contry – Miragina e Guaraná Quinari


Comunicamos aos poetas e amantes do belo, que a nossa R O D A D E P O E S I A vai acontecer dia 29 deste mês, sexta-feira, às 19 horas, no Teatro de Arena do Sesc, ocasião em que estaremos homenageando o ilustre poeta e confrade MARCOS JORGE DIAS.

A RODA DE POESIA é uma boa porque a entrada é franca e não tem fila.

Os microfones estarão abertos para quem quiser poetar, além de contarmos com a presença da cantora Graça Gomes Gonçalves, temos os violões e vozes dos poetas Heloy de Castro e Pedro Figali.

Precisamos transformar o Acre num Estado Poético.

Saudações poéticas,

Mauro



INSTITUTO ROGERIO STEINBERG

NOTA DE FALECIMENTO

O InBrasCI está de luto; recebemos a notícia abaixo enviada pelo grande trovador Renato Alves e corroboramos seu voto de pesar, lamentando também só termos tomado conhecimento da notícia quando não mais dava tempo de comparecermos ao sepultamento e darmos o nosso adeus ao amigo Walter e todo apoio à querida Djalda.

"A UBT-Seção Rio de Janeiro comunica o falecimento do Sr. Walter Winter
Santos, esposo de nossa Vice-presidente de Cultura, Djalda Winter Santos, ocorrido hoje, no Hospital Silvestre, nesta cidade. O sepultamento será realizado amanhã, quarta-feira, às 11 horas, no Cemitério do Catumbi. O Sr. Walter era sócio e estimado amigo da UBT-Rio e grande apreciador da Trova, frequentando com assiduidade nossas reuniões mensais. Que Deus o receba em sua Glória e console a colega Djalda e a todos nós por essa perda.

p/Maria Nascimento..... RENATO ALVES"

segunda-feira, 25 de abril de 2011

DIVULGAÇÃO...

Convite recebido da Academia de Letras do Brasil - Mariana

(Para melhor visualização clique na figura)


domingo, 24 de abril de 2011

Poetas aldravistas participam do Abril Poético em Conselheiro LafaieteDomingo, 24 de Abril de 2011

Mensagem da RD-InBrasCI-MG

domingo, 24 de abril de 2011


Poetas Aldravistas participam do Abril Poético
Presidente da Aldrava Letras e Artes, Gabril Bicalho recebe a Comenda ABRIL POÉTICO



 
 
Andreia Donadon e J.B.Donadon-Leal declamação e música





              Gabriel lê poesias da obra "Ainda o Sol".


J.S.Ferreira declama poesias





Gabriel Bicalho recebe livro de escritora de Conselheiro Lafaiete







Gabriel Bicalho recebe livro de escritora de Conselheiro Lafaiete



                                            


Público  recebe  livros e exemplares       do          Jornal  Aldrava Cultural






 
 
- ABRIL POÉTICO - Conselheiro Lafaiete


O tema “Caminho das Pedras: Sabão, Minério e Ouro”, evento acontece em 9 cidades e comemora os 300 de Ouro Preto, Mariana e Sabará

A Liga Ecológica Santa Matilde (LESMA) realiza a 6ª edição do “Abril Poético”. A programação, que contempla 9 cidades, acontece no período de 23 de abril a 1º de maio. Lançamentos, recitais, oficinas, exposições, palestras e diversas apresentações movimentam a semana de 9 dias com envolvimento de poetas, músicos, atores, público escolar, artistas plásticos etc. Em Lafaiete a programação foi no dia 23 de abril, com apresentação especial dos poetas do Movimento Aldravista de Mariana, Andreia Donadon Leal, Gabriel Bicalho, J.B.Donadon-Leal e J.S.Ferreira, que realizaram sarau, com exibição de vídeo-poemas e vídeo-haicais, música e distribuição de livros e exemplares do Jornal Aldrava Cultural, edição de número 89 (Livros distribuídos: Meu São Gonçalo do Rio Abaixo de J.S.Ferreira; Flora - amor e demência & outros contos de Andreia Donadon Leal; Essências e Medulas e Ainda o Sol do poeta Gabriel Bicalho e Sáfaro de J.B.Donadon-Leal) dos escritores aldravistas da Primaz de Minas, para todos os participantes do recital.

No final do evento cultural, a Aldrava Letras e Artes, entidade de utilidade pública municipal, mantenedora do Jornal Aldrava Cultural e da Editora Aldrava Letras e Artes recebeu a Comenda Abril Poético pelo relevante trabalho literário e atuação no campo cultural brasileiro e internacional.


Sobre o ABRIL POÉTICO

O Abril Poético é uma celebração cultural que busca resgatar a história, a arte e a cultura, por meio da linguagem poética e suas diversificadas manifestações. O movimento iniciou-se em cidades nas regiões do Alto Paraopeba e no Vale do Piranga (Região Central de Minas Gerais), ponto estratégico do Circuito da Estrada Real, pois trata-se de uma região de confluência entre o Caminho Velho e o Caminho Novo. O Abril Poético é elaborado, organizado e realizado pela Liga Ecológica Santa Matilde (LESMA) em parceria com órgãos públicos e privados, entidades socioculturais, patrocinadores e comunidades.

Atualmente o Abril Poético acontece em nove cidades mineiras: Conselheiro Lafaiete, Congonhas, Queluzito, Cristiano Otoni, Entre Rios de Minas, Catas Altas da Noruega, Piranga, Ouro Preto e Itabirito. O evento está alicerçado no tripé: Cultura/Memória/Ecologia e acontece em três momentos.

Tendo os poetas da Inconfidência como inspiração literária e geográfica, o Abril Poético dialoga com outros eventos e manifestações literárias, como o “Psiu Poético” (Montes Claros/MG), “Belô Poético” (Belo Horizonte/MG), “Maratona Cultural” (Divinópolis/MG), “Terças Poéticas” (Belo Horizonte/MG), “Cultura de 5ª” (São João Del Rei/MG), “Movimento Aldrava” (Mariana/MG) “Travessia dos Sentidos” (Brumadinho/MG), “Campoesia” (Campo Largo/PR) e a “Cooperifa” (São Paulo/SP), transitando entre a cultura arte popular e a acadêmica.

Semana de divulgação do Abril Poético

Durante a semana o grupo Lesma, através de seus componentes, participou de eventos e reuniões preparatórias para a organização do Abril Poético 2011, cuja programação oficial está divulgada através do blog http://www.grupolesma.blogspot.com/ e imprensa regional.

Foram visitadas as cidades de Cristiano Otoni, Sabará, Ouro Preto, Itabirito, Mariana e Catas Altas da Noruega e Piranga, onde ocorreu reunião ordinária da Amalpa. No dia 26 o grupo participou de evento social organizado pela Associação de Moradores em Buarque de Macedo e no dia seguinte o grupo apresentou-se no evento da Associação Viva Down, na Escola Municipal Júlia Miranda, em Lafaiete.

Andreia Aparecida Silva Donadon Leal - Deia Leal

Diretora de Projetos do Jornal Aldrava Cultural

Governadora do Instituto Brasileiro de Culturas Internacionais-Minas Gerais

Presidente Fundadora da ALB-Mariana

Mestranda em Literatura-Cultura e Sociedade pela Universidade Federal de Viçosa

Exposição Virtual de Obras de Arte:

http://www.artelista.com/slideshow.php?a=8584387574870269&t=1

http://deialeal.artelista.com/

(31) 8893-3779

Ponto Itinerante de Leitura

http://pontoleituramariana.blogspot.com/

Jornal Aldrava Cultural -
http://www.jornalaldrava.com.br/

quarta-feira, 20 de abril de 2011

SONHOS AO ANOITECER

Sonhos ao anoitecer

Sonhos ao anoitecer,
Pensamentos ao findar o dia
Apenas sonhos ao escurecer
Lembranças guardadas do dia.

Imagens cinzentas, fotos a se desfazer
Desvanecidas ao findar do dia
Fotos antigas que tanto busco reviver
Fatos vividos ao percorrer do dia.

Sonhos, apenas sonhos ao entardecer
Dias perdidos, sonhos desfeitos
Lágrimas perdidas, coração para esquecer
Tudo pode se transformar em alguns momentos.

Basta uma nova estrela nascer
Para nosso caminho iluminar
E qualquer dificuldade vencer
Apenas o meu coração te encontrar.

Eduardo Gomes de Souza
Escritor e Poeta

SOLIDARIEDADE

EDITORIAL DO JORNAL"O ARAUTO DA CULTURA E DA PAZ",nº 9
Pela Cultura,
       para a Paz,
através do Amor !



                                                   ABRIL, 2011




Abrindo o Jornal “O Globo” de sexta-feira, 15 de abril de 2011, página 7 do encarte OPINIÃO, encontro, entre outros, o artigo de Nelson Motta “A dor como espetáculo”, que retrata a intimidade do sofrimento do indivíduo oferecida publicamente pela mídia, em busca de fama e fortuna como ele mesmo o diz e onde, em determinado trecho, se lê “Uma das coisas mais tristes a que nos habituamos a ver são imagens de pessoas em momentos de extrema dor e comoção, diante de uma câmera que espera o choro para fechar o zoom nas primeiras lágrimas. Covardia? Exploração? Informação? Pode ser tudo isto, mas ninguém é obrigado a ver. Ultimamente, se não há possibilidade de um real gesto solidário, não vejo mais: baixo os olhos com pudor japonês, mesmo sozinho em casa diante da TV.”

Nós aqui compreendemos que a informação do fato em si precisa chegar ao povo, mas jamais ser explorado o sofrimento humano, muito mais repetidamente com as mesmas imagens e praticamente os mesmos pronunciamentos, alardeando essa dor, que até incentivam, fazem crescer com esse “propagandismo da desgraça alheia”, mas que não faz crescer a solidariedade das pessoas como pode parecer, portanto, não serve de desculpa para ser utilizado.

A par da informação de um triste fato que atinja parte da população, ou apenas um indivíduo, o que a mídia precisa fazer, se quer realmente participar da ajuda a quem foi de alguma forma atingido por uma desgraça, é justamente providenciar ela própria essa ajuda, ou incentivar Entidades governamentais ou não e à população em geral a se movimentarem para tanto. Isso é válido, essas imagens de auxílio devem ser mostradas, os textos de exaltação à fraternidade devem ser em profusão apresentados e dessa forma estará sendo exercido o direito e o dever de SOLIDARIEDADE humana, o mandamento único de Deus que resume todos os antigos mandamentos: o do Amor Universal – quem ama a si mesmo e ao próximo, jamais cometerá um ato de maldade, jamais deixará de ser solidário realmente e a imprensa em geral tem por obrigação divulgar, exercer e difundir esse Amor por todos os meios a seu alcance e não exibir escancaradamente os vários tipos de violência, como vem fazendo: noticiar o fato é uma coisa, fazer dele um ato de propaganda do próprio órgão divulgador é outro; se é para fazer propaganda, faça-se a propaganda do Amor, que nos levará à Paz, exterminando a violência por si mesma, condenada pela mídia ao ostracismo.


A palavra sobre solidariedade vem do amigo do InBrasCI Marcial Salaverry, poeta e cronista de Santos,SP:
A solidariedade é tão necessária, que até os eremitas precisam
da solidariedade de Deus para sobreviverem...
Osculos e amplexos,
Marcial

NÃO PODEMOS ESQUECER A SOLIDARIEDADE

Marcial Salaverry


Infelizmente a solidariedade é algo que na vida moderna começa a ser relegado a plano secundário, e isso é devido à luta pela subsistência, que parece impelir as pessoas a tentar conquistar coisas, na base do custe o que custar, mesmo que se tenha que prejudicar alguém.
Solidariedade, na realidade, é uma palavra simples, bastante comum, mas que em verdade encerra em seu contexto um sentido muito profundo, já que significa algo que pode representar a vida para muitos, pois no âmago da questão, tem um sentido moral muito amplo, que sem duvida alguma, nos vincula ao sentido da vida.
Representa uma ação ou um pensamento feitos em conjunto, quando devemos nos esquecer da individualidade da vida. Esse é um dos conceitos da solidariedade, um pensar solidário, e não solitário.
Da mesma maneira que precisamos ser solidários, cumprindo nosso papel, desejamos sentir essa mesma solidariedade para conosco. É algo que deve sempre andar em estrada de duas mãos, já que encerra uma relação de responsabilidade mútua, onde todos buscam um interesse comum, fazendo com que cada qual se sinta na obrigação moral de oferecer seu apoio aos outros.
Para poder dizer que somos solidários, temos que estar sempre presentes e dispostos, mesmo que não sejamos solicitados. É o fato de sermos voluntários, sempre quando for necessário.
Sempre que nossa presença for necessária, não poderemos ter hora para partir, mas sim permanecer ao lado, enquanto nossa presença for imprescindível, esquecendo-nos mesmo de nosso conforto, em nome da solidariedade.
Muitas vezes a solidariedade se demonstra com palavras.
Quantas vezes pessoas nos procuram em busca de uma palavra de conforto, precisando, como se diz, “de um colinho”. E esse colinho deve ser dado, devemos ouvir com atenção e carinho as mágoas, cujo desabafo pode até ser vital para alguém.
Esse é o real sentido da solidariedade, principalmente quando prestada no anonimato. Sem que se fique alardeando aos quatro ventos o que se fez em benefício de outrem. A mão esquerda não deve saber o que a direita faz, e ponto final. Basta a satisfação íntima de ter feito sua parte. Basta saber que seus atos beneficiaram a alguém.
Assim agindo, sem duvida de que será muito fácil termos UM LINDO DIA.

domingo, 17 de abril de 2011

MAURO MODESTO, SAMYR BALDOUYR E AMIGOS

'II Encontro De Escritoras Capixabas'



Academia Feminina Espirito-santense de Letras

Fundada a 18.07.1949 - Reorganizada a 29.10.1992


Paulo Stuck Moraes Paulo Stuck Moraes convidou voc"e para o evento
'II Encontro De Escritoras Capixabas' em Academia Feminina Espirito-santense de Letras

Paulo Stuck Moraes


Horário: 11 maio 2011 às 14:00 a 13 maio 2011 às 21:00

Local: Biblioteca Pública Estadual

Organizado por: Paulo Stuck Moraes

Descrição do evento:

Ver mais detalhes e RSVP em Academia Feminina Espirito-santense de Letras:

http://afesl-es.ning.com/events/event/show?id=2494721%3AEvent%3A25184&xgi=18YIu2YwC4drZM&xg_source=msg_invite_event

Sobre Academia Feminina Espirito-santense de Letras

ATENÇÃO: REDE NÃO OFICIAL - Rede criada para congregar as acadêmicas capixabas, outras escritoras e simpatizantes de todo o Brasil

258 membros

2100 fotos

37 videos

47 tópicos

119 eventos

1094 postagens no blog

UNIÃO BRASILEIRA DE ESCRITORES RJ

Reunião Literária da UBE-RJ

Dia 20 de abril de 2011



Instituto Cultural - Auditório

Sociedade Nacional de Agricultura

Rua General Justus, nº 171, 2º andar

Centro – Rio de Janeiro/ RJ.

16h às 18 h.

CONVITE
                 Programa:

- Palavra do Presidente

- Palestras em memória de dois Ubeanos Ilustres:

LEODEGÁRIO A. de AZEVEDO FILHO

Palestrante: Marcus Vinícius Quiroga

. LYGIA MALAGUTE

Palestrante: Margarida Findkel

- Projeto Livro Aberto

- Lançamento do Concurso para escolha

da Letra do Hino da UBE-RJ.

ABÍLIO KAC
Presidente
                                                           Juçara Valverde
                                                           Diretora Social
http://www.ube.rj.com.br/

sexta-feira, 15 de abril de 2011

MENSAGEM DA CHANCELARIA

 Noticia de urgencia: CHUVA PERIGOSA...ALERTA!!!!
                       (Enviado por Édison d'Almeida)
Sem Pânico, mas há que ter atenção.
NOTÍCIAS da: TVE / CNN/ BBC/ NHW/ 24H internacional...

Información en noticieros:


Después de la explosión nuclear a las 16:30 del domingo y las dos de ayer en Fukushima Japón, todos debemos tener precaución . Si llueve hoy o en los próximos días, NO IR BAJO LA LLUVIA. Se debe utilizar un paraguas o impermeable, incluso si es sólo una llovizna. Especialistas de centrales nucleares han señalado que las partículas radiactivas pueden llegar a la atmósfera, estar en la capa de ozono extendiéndose en todo el mundo por la lluvia; lo que puede causar quemaduras, alopecia e incluso cáncer. Por favor, transmite esta información. La Alerta Nuclear ya es 6 de 7, espacios aéreos cerrados en Japón, Francia declaró Alerta 6 de 7 por la movilizacion de los vientos, Alemania y Rusia declaran 5 de 7.
 

quinta-feira, 14 de abril de 2011

CONVITE DA CULTURA - ACRE

Federação das Academias de Letras e Artes do Estado do Acre

Academia dos Poetas Acreanos

Academia de Jornalistas e Letras do Estado do Acre

Instituto Brasileiro de Culturas Internacionais



SESC-ACRE – APRESENTA

RODA DE POESIA

Apoio Cultural: Café Contry – Miragina e Guaraná Quinari




Comunicamos aos poetas e amantes do belo, que a nossa R O D A D E P O E S I A vai acontecer dia 29 deste mês, sexta-feira, às 19 horas, no Teatro de Arena do Sesc, ocasião em que estaremos homenageando o ilustre poeta e confrade MARCOS JORGE DIAS.


A RODA DE POESIA é uma boa porque a entrada é franca e não tem fila.


Os microfones estarão abertos para quem quiser poetar, além de contarmos com a presença da cantora Graça Gomes Gonçalves, temos os violões e vozes dos poetas Heloy de Castro e Pedro Figali.


Precisamos transformar o Acre num Estado Poético.


Saudações poéticas,


Mauro Modesto
Governador da RD-InBrasCI-AC
Presidente da FALA-AC



 

quarta-feira, 13 de abril de 2011

AGENDA 2011 AGENDA 2011 AGENDA 2011 AGENDA 2011

De: "Cercle Univ. Ambassadeurs de la Paix" Exibir informações de contato
Avec la collaboration du Cercle Universel des Ambassadeurs de la Paix Suisse & France

Carmen Castejón Cabeceira

au 15 février 2011 Directora de POESÍA TV

ttp://worldtv.com/poesiatv

http://asolapoespana.blogspot.com/

http://www.asolapocuscoinmortal.org/

&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&
Sarah Diane POMERLEAU

Année 2011 Conférences 2011

www.sarahdianepomerleau.alchymed.com

&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&

Année 2011 VIOLAINE MORINVILLE

20-20interarts danse + arts

plate-forme artistique

20-20interarts.blogspot.com

www.dansecouleur.com

&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&
Anée 2011 PEYREPICADE Centre Culturel International

sous egide : Bannière de la Paix

Thierrry Becourt directeur général

http://www.peyrepicade.centreculturelinternational.com/

http://www.bannièredelapaix-france.over-blog.com/

&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&
30 enero / january /
janvier / gener 2011

48 Día Escolar de la No-violencia y la Paz

48 School Day of Non-violence and Peace

48 Journée Scolaire de la Non-violence et de la Paix

48 Dia Escolar de la No-violència i la Pau

Llorenc Vidal

http://denip.webcindario.com

http://mirador.webcindario.com/denip_abstract.html

&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&
06 au 11 fevrier Social Forum 2011

2011 Towards DAKAR Sénégal

http://fsm2011.org/en/wsf-2011

&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&
du 19 au 28 février
2011 Première Rencontre Internationale de “Poetas del Mundo”

« SUR LA ROUTE DU SUD »

Une Trawün Walmapu Wirintukufe

« WILLI RÜPÜ MEW »

Por Patricia Araya, Embajadora de la paz por Chile

http://www.poetasdelmundo.com/verInfo_america.asp?ID=377

info@poetasdelmundo.com

&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&

10 avril au Ass. MILLEN ARTS DEFIS

31 décembre 2011 concours international

Martine Gilhard

http://millenartsdefis.free.fr/

&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&
FERIA INTERNACIONAL’ del Libro

del 10 al 20 de

febrero 2011 Casa del ALBA. La Habana .

http://www.yuditvidalfaite.blogspot.com/

&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&

 1e Congreso Internacional Poetas Del Mundo

10 au 13 Mars e 4e Encontro de Poetas Del Mundo BLUMENAU

2011 e mail : terezinhamanczak@yahoo.com.br

http://primundo.com.br/poetasdelmundo


http://congressodepdm-blumenau.blogspot.com

&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&

12 avril 2011 Global DAY of ACTION

 Military Spending

http://ipb.org/i/pdf-files/GDAMSpending-Letter-08-Nov.pdf

&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&

1er Festival International du Fim

12 au 16 avril des droits de l'Homme

2011 Yaoundé Cameroun

Responsable des opérations/


Président Général AIKAPPRODHOMP

Serges Frédéric MBOUMEGNE DZESSEU.

www.festival-droitsdel'homme.org/yaounde/

&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&
28 au 30 avril 15e Conférence Annuelle de la DIGNITE HUMAINE

2011 "la paix à la maison la paix dans le monde"

ISTANBUL Turquie

http://www.humiliationstudies.org/whoweare/annualmeeting15.php

&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&
12 au 17 avril 2011 1er FESTVAL INTERNATIONAL DE FILM

des DROITS de l'HOMME YAOUNDE

&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&
May 01 Harold W Becker

2011 Art essay poetry

globalloveday@telovefoundation.com

&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&

 INSTITUT POUR UNE SYNTHÈSE PLANÉTAIRE

ASSEMBLÉE GÉNÉRALE

15 MAI 2011 ( dimanchede 10 à 17 h)

P.O.Box 128, CH-1211 Geneva 20, Switzerland

Tel./Fax +41(0)22-733.8876 +41(0)22-733.8876

E-mail: ipsbox@ipsgeneva.com

Website: www.ipsgeneva.com

&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&
17 au 25 mai The International Ecumenial Peace Convocation

2011 KINGSTON Jamaïca

http://WWW.overcomingviolence.org/en/peace-convention.html

&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&
19 mai au ARTISTES CONTEMPORAINS

22 mai 2011 5e salon centre congrès et expositions Beaulieu

LAUSANNE SUISSE

http://www.artistes-contemporains.ch/

info@artistes-contemporains.ch

&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&
18 au 21 juin 2011 JOURNEES MONDIALES DE LA PAIX

Solcice de l'été

Steeve NYATEPE COO PARADIS

Togo-France

IBIZA archipel des Baléares

www.wolakota.org

&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&
27 au 29 juin 11 th Jan Tinbergen European Peace

2011 Science Conférence

http://www.europeanpeacescientists.org/jtinbergen.html

&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&
21 septembre 2010 WORLD PEACE DAY ONU

Journée Monsiale de la PAIX

des Nations Unies dans le Monde

&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&
Spectacle Musique Poésie

septembre 2011 M CORDINA

salle polyvalente du Sanitas

Tours Indre et Loire France

&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&

6ª Journée Mondiale de la Paix BRESIL

Dia 21 de setembro DELANIEVE DASPET

2011 Campo Grande _MS_Brasil

http://www.delasnievedaspet.com.br

&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&

29 septembre 5 ème festival international de la Poésie à Paris France

au 02 octobre 2011 Président Fondateur : YVAN TETELBOM

contact www.poetesaparis.fr

yvan.tetelbom@wanadoo.fr

&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&

04 au 07 ABRACE CULTURA

octobre 2011 Roberto Bianchi

Montevideo, 2011

Año del Bicentenario de la primera gesta

de la independencia uruguaya.

www.abracecultura.com

&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&
5ème Forum International Peace and Sport

26 au 28 octobre 2011 Principauté de Monaco sous le Haut Patronage de

S.A.S. le Prince Albert II de Monaco.

www.peace-sport.org.

&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&

segunda-feira, 11 de abril de 2011

domingo, 10 de abril de 2011

sábado, 9 de abril de 2011

A previsibilidade do imprevisível

A previsibilidade do imprevisível

"Alessandra Leles Rocha"
Certamente essa semana não foi das mais fáceis de lidar, afinal somos seres humanos e os fatos da vida não nos passam despercebidos ainda que não estejamos expostos aos impactos diretamente. Esses episódios de horror explícito que se espalham mundo afora e, infelizmente, chegaram até o Brasil, demonstram que a alma humana está muito doente. O germe do primitivismo, da barbárie, da fúria, que habita dentro dos seres humanos parece ter despertado de forma incontrolável. Uma cegueira estranha toma conta do inconsciente e todos os valores e princípios humanos são perdidos e nada mais importa ao individuo. (...)

Continue a leitura em http://www.paralerepensar.com.br/paralerepensar/texto_jornal.php?id_publicacao=17950

ACADEMIA DE LETRAS E ARTES DE PARANAPUÃ

ACADEMIA DE LETRAS E ARTES DE PARANAPUÃ

ALAP

CONVITE


A Academia de Letras e Artes de Paranapuã – ALAP tem o prazer de convidar V. Sª. e Família para a reunião de apresentação da sua XXI Antologia, entrega de premiações do CSCL e visita de nossos pares acadêmicos da Federação do Acre.


Data: 11 de abril de 2011, segunda-feira, às 15 horas e 30 minutos.
Local: CONFALB / FALARJ
            Rua Teixeira de Freitas, nº. 05 / 3º. andar / sala 303 Passeio Público/RJ.

Acad. Eliane Mariath Dantas
Presidente

22 ANOS DA APPERJ (11 DE ABRIL)

COMEMORAÇÃO AOS 22 ANOS DA APPERJ (11 DE ABRIL)

DIA 13 DE ABRIL – QUARTA-FEIRA - As 18h

- PROJETO: "TEM POESIA NO MEIO DO CAMINHO, NO MEIO DO CAMINHO TEM POESIA",

Realizaremos o Projeto "Tem Poesia no meio do caminho, no meio do caminho tem poesia", em comemoração aos 22 anos de APPERJ - concentração do evento - chegar às 18 h, na porta da Trattoria Gambino,

Distribuição de livros no Largo do Machado.

As 19h - TE ENCONTRO NA APPERJ – EVENTO LITERÁRIO DE POESIA


Trattoria Gambino, Largo do Machado esquina com Rua do Catete.

O mais democrático evento poético do Rio de Janeiro - Aqui se fala e se escuta poesia.

- Comemoração dos 22 anos da APPERJ.

- No Memorial deste mês, o poeta Carlos Villar!

- Traga a sua produção poética.

Roteiro da poesia - conheça o no nosso site - http://www.apperj.com.br/


Juçara Valverde
vice-presidente da APPERJ

Convite para Solenidade de Posse na ALB - Mariana

ACADEMIA DE LETRAS DO BRASIL-MARIANA

Sapientia Universum Movet

    Visitem o blog da ALB-MARIANA


        Convite para Solenidade de Posse na ALB - Mariana


Marzo Sette Torres tomará posse na ALB-Mariana.


O Engenheiro e cantor clássico Marzo Sette Torres tomará posse na ALB-Mariana (cadeira n° 21 - Patrono: Zoroastro Torres), na qualidade de Membro Efetivo. A cerimônia será no auditório do Instituto de Ciências Humanas e Sociais da UFOP/Mariana, no dia 16 de maio de 2011, às 16:00. O discurso de saudação será proferido pela acadêmica Andreia Donadon Leal

Marzo Sette Torres

Nasceu em Belo Horizonte, em 21 de novembro de 1936 (filho do poeta Zoroastro Torres). Engenheiro Civil, tem longa folha de serviços prestados como professor universitário, consultor, coordenador de projetos, supervisão e gerenciamento de obras de engenharia. Graduado em 1959 pela Escola de Engenharia da UFMG, foi dela professor entre 1965 e 1971. Na Escola de Engenharia do Triângulo Mineiro, foi professor entre 1960 e 1964. É um dos fundadores da Faculdade de Engenharia da FUMEC, onde também lecionou.
Durante 7 anos, pertenceu aos quadros do DER/MG, com passagem pelo GEIPOT e pelo DNER.
Em 1971, na França, fez estágio sobre Técnicas Rodoviárias. Em 1972 deixou o magistério e o serviço público para, em companhia de um grupo seleto de profissionais, criar a CAB, empresa de consultoria de engenharia a que se dedicou durante 17 anos. Antes disso, já havia participado da fundação de outra empresa de consultoria, a PLANEX, para a qual, mais tarde, na década de 90, veio a prestar serviços de modernização tecnológica, voltados para capacitar a equipe daquela empresa para usar a informática na elaboração de projetos de engenharia. Atualmente, na SITRA, empresa de consultoria de engenharia e arquitetura de que também foi criador, continua em ação.

Marzo adentra ALB-MARIANA conduzido por uma atividade bem diferente: o canto. Que, na verdade, veio muito antes da Engenharia, pois sua primeira e marcante experiência foi no Grupo Escolar Barão de Macaúbas, em 1943, quando respondia como integrante de um grande coral de alunos, ao solista, um colega negro de bela voz e boa presença, que cantava Terra Seca, de Ary Barroso. Seu pai, Zoroastro Torres, que tinha intimidade com violão e gaita, deu-lhe, pouco tempo depois, aulas introdutórias sobre o primeiro instrumento musical que Marzo conheceu ao vivo, o violão.
No Colégio Batista Mineiro, cursando o antigo ginásio, numa disciplina denominada Canto Orfeônico, canto não lhe ensinaram, mas sim os fundamentos da teoria musical. Que lhe foi de grande valia mais tarde, quando aprendeu a tocar, por música, algumas peças voltadas para a meditação, mantrans, num pequeno órgão de foles acionado por pedais. E, décadas após, quando se dedicou ao canto.
Enquanto se preparava para o vestibular de engenharia, o estudo da química tinha como fundo um programa de música clássica transmitido por rádio. A era da fita cassete ainda não havia chegado e, de qualquer forma, o acesso aos discos de vinil era bastante limitado pelo custo relativamente alto. Às vezes, arriscava-se a acompanhar os grandes tenores da época, Beniamino Gigli, Jussi Bjorling, Ferruccio Tagliavini. Mas não sabia como sair da faixa das freqüências intermediárias.
Concluído o curso de engenharia, a música foi relegada à condição de coadjuvante: Marzo era um simples, porém atento, ouvinte.
Na início da década de 70, sua irmã Zorma e a sobrinha Cristina, esta pianista, convenceram-lhe a cantar a Ave Maria de Gounod. De ouvido. Como o resultado foi aceitável e, iniciou-se ali uma nova atividade, o canto. Inicialmente, voltado para a música popular brasileira.
Com Angela Togeiro, em casa, o violão voltou à cena, ora em acompanhamentos, ora sendo acompanhado. Na década de 80, Angela passa a ter boa intimidade com um órgão eletrônico daqueles ainda usado hoje em igrejas, com dois níveis de teclado e pedaleira. E, ao lado, atrevidamente, o marido soltava a voz. E, desde então, as partituras musicais passaram a ser peças importantes.
Iniciou-se a era dos saraus domésticos, que passaram a contar com duas amigas importantes: Angela Queiroz, pianista, e Eliane Romão, cantora já então com certo domínio de técnica vocal, fruto de aulas particulares com alguns renomados professores. Os saraus subiram de nível e, saindo do espaço doméstico para outros ambientes, para alegrar festas diversas.
Nesse mesmo período, o Minas Tênis Clube faz uma chamada para ampliar o seu coral. Marzo se apresentou e, sob a regência de Eliane Fajioli, lá permaneceu por 5 anos e com quem teve aulas particulares de canto e técnica vocal. Foi solista em missas, casamentos e festividades diversas, bem como no Festival Nacional de Corais de São Lourenço, em 2002. Nesse período, com um grupo de cantores e instrumentistas, participou de casamentos, missas e festas diversas.
Nesse período, merece destaque sua participação nas solenidades comemorativas dos 40 anos da Academia Municipalista de Letras de Minas Gerais, AMULMIG, em 2002, quando cantou em solos e duetos com Eliane Romão, com acompanhamento pianístico de Eliane Fajioli.
Esteve também nos corais da OAB, sob a regência de Eliane Fajioli, e da AMAGIS, regente Angela Pinto Coelho. Com o coral da AMAGIS, esteve nas festividades dos 300 anos de Santa Bárbara e na reinauguração do órgão da Catedral de Lourdes, em Belo Horizonte.
No final de 2003 decidiu encerrar suas participações em corais. Foi quando conheceu o maestro Adilson Garcia, com quem participou de diversos eventos musicais e veio a gravar o CD “Alma em Fantasia”. Participação no Coral do Tribunal de Justiça de Minas Gerais, regido pelo maestro Arnon Sávio Reis de Oliveira, no último ano em que cantou em corais. Como coralista e solista.
Em 2006 passou a estudar com Jessé Gomes de Oliveira e Eliseth Gomes, ela consagrada cantora de ópera. Ambos profundos conhecedores de técnica vocal, deram novo e importante direcionamento para seu aprimoramento musical. O Maestro Luiz Aguiar também contribuiu para seu aperfeiçoamento musical.
E em agosto de 2006, em concorrido recital realizado na Sala Juvenal Dias do Palácio das Artes, em Belo Horizonte, houve o lançamento oficial do CD, com participação das sopranos Eliane Romão e Aparecida Fonseca e da contralto Guiomar d’Alessandro. Ao piano, o maestro Adilson. As três convidadas tem importante passado musical em comum com Marzo.
Em 2007, como convidado, esteve novamente na mesma sala Juvenal Dias, no recital promovido por Eliane Romão, com quem cantou em duetos, além de cantar também em solo.

                                            

MEDALHA CRUZ DA PERFEIÇÃO MAÇÔNICA

quinta-feira, 7 de abril de 2011

Mesmo perseguidos em sua terra de origem, iranianos se dedicam a trabalho social no Brasil

Mensagem encaminhada pela Chancelaria
(Da Assessoria de Comunicação - Comunidade Bahá'í do Brasil )


Mesmo perseguidos em sua terra de origem, iranianos se dedicam a trabalho social no Brasil

Impedida de participar de atividades sociais em seu país de origem, seguidora da Fé Bahá’í se dedica ao desenvolvimento socioeconômico de comunidades carentes na Amazônia brasileira

Cerimônia de homenagem aos 25 anos da ADCAM, realizada em 22/10/2010.

Ferial está à extrema direita.

Há 25 anos a iraniana Ferial Sami está à frente de um projeto social com comunidades carentes no estado do Amazonas que apoia desde crianças até idosos. Ela chegou ao Brasil em 1979 e morou em algumas outras cidades antes de se estabelecer no Norte do País, onde ajudou a fundar a Associação para o Desenvolvimento Coesivo da Amazônia (ADCAM) -- instituição que hoje atende mais de cinco mil pessoas diariamente.

Recentemente homenageada com o título de “Cidadã Amazonense” pelo trabalho que desenvolve na região, Ferial fala com tristeza dos amigos e parentes que foram presos por realizar ações similares na cidade de Shiraz, no sudoeste do Irã. Ela fala sobre a gratidão que sente pelo Brasil por poder contribuir com a sociedade local, algo que foi proibida de fazer em seu país, motivo pelo qual saiu de lá.

Proibida de servir à comunidade em seu país

Durante o governo do Xá, antes da Revolução Islâmica de 1979, Ferial foi proibida de continuar seu trabalho de atendimento a crianças carentes em um orfanato pelo fato de ser bahá'í -- religião que sofre diversas formas de perseguição no Irã.

“Sempre gostei de trabalhar com crianças. Visitei um orfanato onde as crianças são muito maltratadas e perguntei se poderia levá-las para passeios. No início eles concordaram, até que um dia não me permitiram mais entrar, afirmando que os bahá'ís estavam proibidos de realizar esse tipo de serviço”, conta ela.

Ela explica que após a Revolução, que derrubou os antigos monarcas persas, ficou ainda mais difícil para os seguidores da Fé Bahá’í desenvolver qualquer atividade. Os familiares que ficaram no Irã até hoje sofrem com a perseguição e as restrições a que estão submetidos.

“Meu sobrinho foi preso, meus cunhados foram presos várias vezes simplesmente porque estavam dando atendimento a pessoas carentes em Shiraz”, relata Ferial. Eles eram parte de um grupo de jovens bahá’ís e muçulmanos que ofereciam aulas de reforço para crianças de bairros pobres da região, presos em 2006 sob acusação de exercerem atividades ilegais, apesar de estarem de posse de uma autorização oficial das autoridades locais. Os jovens muçulmanos foram liberados em seguida.


Presos por oferecer reforço escolar a crianças carentes


Três dos jovens bahá’ís -- Sasan Taqva, Raha Sabet e Haleh Rouhi -- permaneceram presos em 2008 em instalações do Ministério da Informação da cidade durante três anos em condições extremamente precárias e insalubres até serem libertados em dezembro de 2010 sob perdão do Líder Supremo. Os demais, inclusive os familiares de Ferial, foram condenados a assistir aulas de propaganda islâmica nas quais são submetidos a sessões de difamação de suas crenças religiosas no intuito de renegarem sua fé.

“Eles vivem agora em regime de liberdade assistida e são impedidos de sair do país”, explica Ferial. “A cada 15 dias, são obrigados a comparecerem a palestras em que tentam dissuadi-los de serem bahá'ís”.

Lideranças são condenadas a 20 anos de prisão por servir à comunidade


Atualmente há 379 bahá'ís presos no Irã e outras centenas aguardam julgamento, todos por seu envolvimento em ações desenvolvidas pela comunidade bahá’í. Entre os prisioneiros, um caso em especial vem preocupando a comunidade internacional: a confirmação recebida oralmente pelas sete lideranças que cuidavam das necessidades básicas da comunidade bahá’í iraniana, presas desde 2008, de que sua pena foi novamente revertida para 20 anos de prisão.


Em 7 de agosto de 2010 a justiça iraniana determinou a sentença com base em acusações totalmente infundadas. Após apelação dos advogados de defesa, três das acusações (engajamento em atos de espionagem, colaboração com o Estado de Israel e fornecimento de documentos confidenciais a indivíduos estrangeiros com a intenção de minar a segurança do Estado) foram revogadas por falta de provas. A pena foi então reduzida para 10 anos, baseando-se exclusivamente na crença religiosa dos sete e na suposta ilegalidade do serviço que prestavam a seus correligionários. O veredito, contudo, nunca foi concedido por escrito.


Em 16 de março de 2011 os prisioneiros receberam a informação de que a apelação fora desconsiderada e que terão de passar 20 anos presos sem que tenham cometido qualquer crime ou violação -- o que para alguns deles, dada sua idade avançada, equivale à prisão perpétua. Os advogados até agora não puderam ter acesso à decisão judicial que reverteu a pena devido ao feriado de Ano Novo (Naw Ruz, celebrado em 21 de março), que se estende até a próxima semana, e portanto ainda não conseguiram recorrer.

Ferial sente uma tristeza profunda com essa situação, não somente pelo sofrimento e sacrifício dessas pessoas, mas pelo fato de serem impedidos de contribuir com o desenvolvimento da sociedade iraniana simplesmente pelo fato de serem bahá’ís.


“Eu dei uma entrevista para uma rádio iraniana falando sobre meu trabalho aqui [no Brasil] e depois recebi ligações de irmãos muçulmanos perguntando por que eu não estava fazendo esse trabalho tão lindo no Irã, que é o meu país. Eu disse que se fosse permitido eu faria com muito prazer, assim como muitos bahá'ís também gostariam”.

ADCAM


A Associação para o Desenvolvimento Coesivo da Amazônia – ADCAM é uma instituição não governamental que há 25 anos realiza atividades sócio-educativas no Estado do Amazonas. Iniciou suas atividades com o orfanato Lar Linda Tanure, criado para abrigar crianças abandonadas e que sofriam algum tipo de mau trato. Hoje a ADCAM atua em cinco programas: o Núcleo de Desenvolvimento Familiar, que realiza atividades sócio-educativas com crianças, adolescentes e idosos; a Escola Vocacional Masrour, que oferece desde do Ensino Infantil ao Ensino Médio; a Faculdade Tahirih, que oferece ensino superior nas áreas de Administração e Pedagogia; o Instituto de Tecnologia Masrour, que se dedica à formação e qualificação profissional de jovens e adultos; e o Instituto Politécnico Rural da Amazônia Djalal Eghrari, que oferece à comunidade rural, ribeirinha e indígena do município de Iranduba a oportunidade de acesso à educação formal e a cursos técnicos rurais, promovendo a permanência do homem no campo. Reconhecida como uma instituição de Utilidade Pública Federal, a ADCAM também atua junto a organizações que defendem os direitos humanos e protegem os interesses de crianças, adolescentes, jovens, adultos, terceira idade e mulheres.

Para saber mais sobre a ADCAM, acesse www.adcam.org.br

Para informações sobre outros projetos desenvolvidos pelos bahá’ís no Brasil, acesse www.bahai.org.br

Luana Reis - Assessora de Comunicação

Secretaria Nacional de Ações com a Sociedade e o Governo - http://sasg.bahai.org.br/

Comunidade Bahá'í do Brasil - http://www.bahai.org.br/

Tel.: +55 (61) 3255 2209 / 8188 0239. Fax: +55 (61) 3364 3470

ARTISTA MINEIRA RECEBERÁ MEDALHA DA INCONFIDÊNCIA

A Presidente do InBrasCI, em nome de sua Diretoria, sua Chancelaria e Sub-Chancelarias e suas demais Governadorias, parabeniza a sua Governadora Andreia Donadon Leal pelo recebimento da Medalha Inconfidência, a mais alta comenda concedida pelo governo de Minas Gerais, atribuída a personalidades que contribuíram para o prestígio e a projeção mineira.

                                             ***********************

Mensagem da Diretoria da RD-InBrasCI-MG




O Governador do Estado de Minas Gerais, ANTONIO ANASTASIA, por meio de decreto, concederá a artista plástica, escritora do movimento aldravista e ex-aluna da UFOP, Andreia Aparecida Silva Donadon Leal, a Medalha da Inconfidência.

A solenidade de agraciamento será no dia 21 de abril de 2011, quinta-feira, às 10 horas, na Praça Tiradentes em frente ao Museu da Inconfidência na cidade de Ouro Preto/MG.

A Medalha da Inconfidência é a mais alta comenda concedida pelo governo de Minas Gerais, atribuída a personalidades que contribuíram para o prestígio e a projeção mineira.

A solenidade acontece anualmente, no dia 21 de abril (feriado de Tiradentes), em Ouro Preto.

Foi criada em 1952, durante o governo de Juscelino Kubitschek e é entregue sempre no dia 21 de abril com quatro designações: Grande Colar (Comenda Extraordinária), Grande Medalha, Medalha de Honra e Medalha da Inconfidência.

A presidenta da República Dilma Rousseff será uma das agraciadas com a Medalha da Inconfidência deste ano, no grau Grande Colar, a ser entregue no dia 21 de abril, em Ouro Preto.

Durante o encontro, os membros do Conselho definiram que a solenidade este ano irá homenagear 250 personalidades que tenham se destacado e contribuído para o desenvolvimento do Estado. Com exceção dos conselheiros representantes das forças militares, que poderão indicar um total de 20 pessoas, cada membro do conselho poderá indicar até cinco homenageados.

No total serão entregues 62 medalhas no grau Grande Medalha, 88

Medalhas de Honra e 100 no grau Medalha da Inconfidência.
As indicações deverão ser encaminhadas ao cerimonial do governo até o dia 21 de março.

Andreia Aparecida Silva Donadon Leal, natural de Itabira – Minas Gerais, nascida em 17/09/1973, filha de Edson Batista da Silva e Maria Aparecida Ferreira da Silva; cresceu em Santa Bárbara-MG e reside em Mariana – Minas Gerais. Licenciada em Letras pela UFOP, Pós-graduada  em Artes Visuais - Cultura & Criação pelo SENAC-MG e Mestranda em Letras – Literatura – Cultura & Sociedade pela Universidade Federal de Viçosa (Dissertação de Mestrado: Aldravismo – Primeiro Movimento Mineiro do Século XXI). É ilustradora, Diretora de Projetos Culturais da Aldrava Letras e Artes e Membro da Comissão Editorial. Escreve contos, poemas, crônicas e ensaios no Jornal Aldrava Cultural desde 2002. Colabora também com o Jornal Linguagem Viva – São Paulo, Jornal de Letras (RJ), Jornal Hoje em Dia (Belo Horizonte) e Jornal Ponto Final (Mariana). Frequentou diversos cursos de pintura na Casa de Cultura de Santa Bárbara e teve aulas presenciais com o artista Antonio Gualda, em Granada (Espanha). Desenha e pinta desde a adolescência. Idealizadora e Coordenadora do Projeto Poesia Viva – a poesia bate à sua Porta – Projeto Vencedor do Prêmio Viva Leitura 2009  Mec/Minc.

Talvez seja uma das mulheres mais jovens do país a pertencer às diversas Academias de Letras. No final de 2008, fundou a Academia de Letras do Brasil-Mariana, instalada em abril de 2009. É Presidente da Academia de Letras do Brasil de Mariana. Membro Correspondente da Academia de Letras Rio – Cidade Maravilhosa (RJ). Membro Efetivo da Academia Municipalista de Letras de Minas Gerais. Membro Benemérito da Academia Feminina Mineira de Letras. Membro Correspondente da Academia Maceioense de Letras-Alagoas; da Academia Cachoeirense de Letras-Espírito Santo; da Academia Pan-Americana de Letras e de Artes - Rio de Janeiro; da Academia Brasileira de Poesia “Casa Raul de Leoni” (Petrópolis- Rio de Janeiro); da Academia de Letras da Mantiqueira – São Paulo. Membro Honorário da Academia Brasileira de Trova - Rio de Janeiro e da Academia de Letras de Brasileia (Acre). Vice-Presidente da Academia de Letras e Artes Lusófonas em Minas Gerais; Membro Correspondente Estrangeiro da Academia de Letras e Artes (Monte Estoril – Portugal). Diretora de Intercâmbio Cultural da FALEMG – Federação das Academias de Letras e Cultura de Minas Gerais.

Governadora do Instituto Brasileiro de Culturas Internacionais em Minas Gerais. Embaixadora Universal da Paz em Genebra – Suíça. Membro da IWA (International Writers and Artists Association – Toledo-USA)
Membro do Sindicato dos Artistas Plásticos Profissionais de Minas Gerais e Curadora do Circuito Internacional de Arte Brasileira em Minas Gerais – da Colege Arte.
É autora dos seguintes livros:
“Nas Sendas de Bashô”, em 2005 com a senda I – Quase! “Cenário Noturno”
(poesia) 2007. Aldravismo: uma proposta de arte metonímica – 2009. “Ventre de Minas” – 2009 - Ventre III. Flora: amor e demência e Outros Contos – 2010 e no prelo, Pés sobre o chão (crônicas).

Recebeu inúmeros prêmios literários, entre eles, 1º lugar no Concurso Nacional de Poesias “Prêmio Cataratas” - 2006 – Foz do Iguaçu - Paraná.

Obra:

Anjos da Terra. 1° lugar no 41° Concurso Nacional de Contos de Paranavaí - 2009. 1° lugar no Concurso Interno de Contos da Academia Municipalista de Letras de Minas Gerais – 2009. Participou de exposições coletivas internacionais representando o estado de Minas Gerais na Espanha, Itália, Áustria, Polônia, Alemanha, República Dominicana, República Tcheca, China, Tailândia, Hungria, Eslováquia, Chile (Museu Pablo Neruda) e em dezembro de 2009 participou de uma coletiva no Museu do Louvre em Paris. Participou de inúmeras exposições coletivas em Minas Gerais, no Rio de Janeiro e em São Paulo. É detentora de mais de 50 premiações. Conquistou o 1º lugar noConcurso Internacional de Artes Plásticas Compositor Antonio Gualda, Asociación Cultural Valentin Ruiz Aznar - dezembro de 2008, em Granada, Espanha, com a obra “Revolta da Mata”, com participação de 35 países no certame. Medalha do Mérito Affonso Penna – 2009. Vencedora do Prêmio VivaLeitura – 2009 - maior prêmio de Incentivo à Leitura do país, do Ministério da Educação e do Ministério da Cultura, patrocinado pela Fundação Santillana e Organização dos Estados Ibero-Americanos, com o projeto: Poesia Viva: poesia bate à sua porta.

Medalha do Grande Oriente do Brasil- Rio de Janeiro – 2010. Medalha de Bronze da Académie des Arts, Sciences et Lettres, sob a égide de René Flament, fundada em 1905, coroada pela Academia Francesa, no dia 05 de junho de 2010, em Paris, pelos relevantes serviços prestados à cultura, às letras e às artes no Brasil. Medalha Universidade Federal de Ouro Preto – 2010, pelos relevantes serviços prestados à Educação – 41° sessão solene de aniversário. Medalha de Recompensa à Mulher – Maçonaria Fluminense - Rio de Janeiro. Diploma de Mérito Internacional da Academia Municipalista de Letras de Minas Gerais – 2010. Medalha “Joaquim Nabuco” da Sociedade Fluminense de Belas Artes (RJ) e do Instituto Histórico e Geográfico de Niterói. Receberá a Medalha ANTONIO OLINTO, pelo conjunto da obra literária e cultural da UBE (RJ), comemoração dos 53 anos, no dia 26 de agosto de 2011 - no Rio de Janeiro.

quarta-feira, 6 de abril de 2011

CENTRO DE CULTURA FAZENDA DA POSSE

O Centro de Cultura Fazenda da Posse juntamente com a Prefeitura de Barra Mansa através da Fundação de Cultura e o Sistema Firjan através do SESI Barra Mansa convidam para a exposição CANA CAFÉ SUOR no dia 06 de abril às 20h. A exposição conta com a pesquisa e organização de Ana Ana Maria Bastos Seraphim. Esta exposição apresenta aspectos relevantes da colonização do Vale do Paraíba Fluminense, fruto de muito trabalho, suor e ousadia dos pioneiros que se instalaram na região – fazendeiros, sitiantes, pequenos comerciantes e principalmente escravos, a força motriz desse grande empreendimento coletivo.


As imagens apresentadas são do século XIX dos artistas: Jean-Baptiste Debret, Johann Moritz Rugendas, Christiano Jr., Victor Frond e Rafael Falco.

Não perca e, por favor, ajude a divulgar.

Carla Giovana Silva de Castro Rolim

Coordenadora do Centro de Cultura

Fazenda da Posse

Tel.: (24) 3322-3855 (24) 3322-3855

Rua Dário Aragão, no. 02 - Centro

Barra Mansa - RJ - CEP.: 27.330-050

NAS ASAS DA IMAGINAÇÃO

Queridos amigos
Editadas Cirandas
* Sou outono /Da nossa querida NaidaTerra
* Preciso de ti/De nossa querida Isabel Passos

Cliquem nos links abaixo e já abre,
deixe seu recadinho no livro de visitas
que para nós e muito importante.
Carinhosamente,
Ilze Soares, NaidaTerra, Isabel Passos
e Mara Pontes